Game + rede social

http://jconline.ne10.uol.com.br/canal/tecnologia/noticia/2012/03/15/aprender-e-bom-conectado-35790.php

PORTO DIGITAL

Aprender é bom conectado

Plataforma educacional que une jogo e rede social, geralmente proibidos no ambiente escolar, é o carro-chefe da Joy Street

Publicado em 15/03/2012, às 10h55

Do JC Online

 

Nada de enciclopédias empoeiradas no alto da estante. Os alunos de hoje aprendem conectados no mundo virtual. Mouse na mão e olhos atentos à tela, eles absorvem informações e passeiam por todo o mundo com apenas alguns cliques. “A criança não aprende mais verticalmente. Se tem dúvida, vai na internet e acha”, ressalta o CEO da Joy Street, Fred Vasconcelos. Sintonizada com essa demanda, nasceu a Joy Street, para incentivar o aprendizado com diálogo e diversão.

Embarcada no Porto Digital, a empresa é fruto de um consórcio de outras quatro: Jynx, Meantime Mobile, Manifesto Games e o Centro de Estudos e Sistemas Avançados do Recife (Cesar). A Joy Street surgiu em 2010 em resposta a uma demanda lançada pela Secretaria de Educação do Estado de Pernambuco ao Porto Digital. Segundo Fred, era preciso criar um novo modelo para aprendizagem escolar. Algo que incentivasse os alunos. “Eles queriam um portal, mas desenvolvemos um projeto maior, robusto e inovador”, conta.

O resultado foi uma plataforma educacional que une jogo e rede social, geralmente proibidos no ambiente escolar. E assim surgiu o sistema que sustenta as Olimpíadas de Jogos Digitais e Educação (OJE), entre outras atividades. “Construímos uma rede social ‘gameficada’. Tudo que fazemos lá soma pontos de experiência”, conta Fred. Ainda é possível participar de torneios, minijogos e enigmas tematizados com conteúdo pedagógico.

“A plataforma é conceitual e tecnológica. Se trocar o conteúdo dela, consigo dar uma outra aplicabilidade utilizando o mesmo conceito”, explica. No ano passado, mais de 100 mil alunos utilizaram a plataforma em cerca de 5 mil escolas em Pernambuco, Rio de Janeiro e Acre. “O objetivo para os próximos 12 meses é multiplicar o número de alunos por dez. Algo em torno de um milhão de estudantes em 15 mil escolas”, contabiliza Fred.

Para trabalhar com esse extenso conjunto de alunos, a Joy dividiu o público em dois segmentos: de 6 a 14 anos e a partir dos 14. Por enquanto, a solução é aplicada em escolas públicas, mas há previsão de expandir para as particulares no próximo ano. Todas as disciplinas são abordadas por idade, seguindo o conteúdo escolar. “Temos um time de 50 pessoas envolvidas no projeto, desde a concepção técnica até a criação de conteúdo”, explica.

A equipe tem desde doutores em psicologia cognitiva, passando por financistas e cientistas da computação até professores do ensino fundamental. “É preciso criar conteúdo o tempo todo. A plataforma está em constante mudança”, comenta Fred.

A Joy Street planeja expandir as atividades para outros três Estados, dois no Sudeste e um no Sul do País, além de adicionar quatro ou cinco municípios nos Estados em que já opera. “Temos gente fazendo pesquisa em campo dentro das escolas, analisando o uso e desempenho dos alunos”, diz.

Fred não mede palavras para ressaltar o aspecto que ele relata como sendo um dos mais positivos em relação ao projeto: a união dos alunos através do meio virtual. “É importante ter pessoas diferentes em seu time, como um nerd, para aumentar as chances de ganhar as competições”, destaca.

“Temos histórias de alunos envolvidos com drogas e violência que se interessaram em participar, deixaram de faltar aula e, além de passar de ano, conseguiram se relacionar com gente com quem não falava”, complementa.

Para o futuro, a Joy planeja ser a maior empresa de tecnologia educacional lúdica da América Latina. “E por que não uma das maiores do mundo?”, planeja Fred.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s